Fale Conosco Agora!

Construções do futuro: entenda como a NBR 9050 tem trazido acessibilidade à construção civil

Afinal, o que é NBR?

NBR é a sigla para a expressão Norma Brasileira. Todas as regulamentações nacionais precisam ser aprovadas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

Essa é uma entidade privada e sem fins lucrativos, que tem a tarefa de padronizar os processos produtivos que acontecem em todo o país. Ela também representa o órgão internacional mais importante de normalização, a ISO (International Organization for Standardization).

As normas técnicas são regimentos estabelecidos de acordo com a opinião e o consenso de pesquisadores e profissionais das áreas de interesse. Seu papel é elaborar regras e orientações sobre determinados produtos ou serviços.

Existem leis brasileiras e normas regulamentadoras que exigem o cumprimento de certas NBRs — dessa maneira, elas passam a ser obrigatórias em diversos casos.

Respeitar essas diretrizes significa, também, estar preocupado com itens como a diminuição de acidentes de trabalho, da poluição e da contaminação de todo o meio ambiente.

 

Quais as principais mudanças na NBR 9050?

Quanto aos mobiliários em rotas acessíveis

Um dos pontos mais importantes da NBR 9050 são as calçadas. Em todos os mobiliários você deve incluir rotas acessíveis, principalmente para quem precisa usar cadeira de rodas, andador ou muletas. Sem se esquecer de que em alguns pontos desse trajeto, será necessário adaptar os puxadores e maçanetas e, assim, oferecer acessibilidade a quem tem deficiência visual. 

 

Quanto a ampliação da acessibilidade

A NBR 9050 foi acrescentada a utilização de transportes, o que antes não fazia parte do escopo, assim como a informação e os sistemas de tecnologias.

 

Quanto aos símbolos e desenhos

Hoje, você vê símbolos e desenhos que representam pessoas obesas, idosos, indivíduos com bebê de colo, grávidas, cegos com ou sem cão-guia e aqueles com mobilidade reduzida e equipamentos de uso obrigatório que ajudam com a locomoção.

 

Quanto a sinalização sonora

A nova NBR 9050 tem mais informações sobre a sinalização sonora, como a colocação de sinais em área de resgate. A norma tem como foco as rotas de fuga que se adaptam às pessoas com cadeiras de rodas.

Quanto às rampas nas calçadas, é bom ficar atento. As calçadas devem ter um rebaixamento para a instalação de rampas com um limite de 6%.

 

Quais os ambientes de uso coletivo devem ser adaptados para quem tem mobilidade reduzida?

  • Portarias;
  • Garagens;
  • Halls de acesso;
  • Salas e salões;
  • Praças;
  • Banheiros;
  • Piscinas;
  • Saunas;
  • Academias;
  • Quadras esportivas.

As construções com calçadas projetadas e rampas devem ter piso tátil de alerta para possíveis obstáculos. As portas, os corredores e os elevadores precisam ter dimensões adequadas que facilitam a locomoção das pessoas, principalmente dos cadeirantes.

 

Também é importante lembrar que de acordo com a NBR 9050, todos os projetos arquitetônicos devem ter o certificado de acessibilidade para comprovarem as adaptações e os parâmetros que são determinados pela legislação. Se você é investidor ou se é proprietário de um clube com piscina ou de um condomínio, fique atento e veja os documentos necessários para obter esse certificado:

  • Peças gráficas para a sinalização de obras e serviços que serão executados para cumprir as normas de acessibilidade;
  • Guia de recolhimento quitada;
  • Formulário de requerimento padronizado preenchido e assinado pelo requerente legitimado;
  • Cópia do comprovante de regularidade da edificação;
  • Cópia do (IPTU) do ano em exercício;
  • Duas vias da descrição e cronograma com as obras e serviços para cumprir com as normas de acessibilidade.

 

A nova NBR 9050 e as construções do futuro

As principais mudanças ocorreram na atualização de 2015. O mais importante é que as alterações visam trazer a acessibilidade para o “desenho universal”, em busca de um padrão que garanta os direitos e a cidadania de todos os brasileiros, ou seja, a aplicação nos mais diversos empreendimentos.

O conceito de desenho universal, inclusive, é algo importante a ser destacado. Ele foi incorporado ao novo documento com mais profundidade no que diz respeito à comunicação, incluindo, até mesmo a Língua Brasileira de Sinais – Libras. 

Muito do que foi definido na atualização feita anteriormente, continua vigente na revisão de 2020. As principais mudanças nessa nova norma foram correções gramaticais e adições de mais figuras explicativas.

Além disso, há a criação de uma subseção para proteção contra queda ao longo das áreas de circulação e uma sobre rotas de fuga e áreas de resgate. 

Essas ações ajudam a diminuir confusões geradas por algumas ações ambíguas, assim como conflitos com outras normas, e falta de especificações que foram identificadas na atualização da mesma. Além disso, essa nova revisão procura ser mais didática e assertiva, facilitando o entendimento das exigências.

 

Bom, agora que você conheceu um pouco mais sobre a  NBR 9050 tem e a acessibilidade na construção civil, que tal compartilhar para que mais pessoas possam conhecer e entender do assunto?

Na Barros Vaz, temos imóveis que buscam trazer mais facilidade ao dia a dia dos moradores, compreendendo e valorizando a função de cada cômodo com os elementos certos, proporcionando aconchego, harmonia e bem-estar.

Entre em contato conosco e agende uma visita em um dos empreendimentos administrados pela Barros Vaz. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
MAIS LIDOS

CADASTRE-SE

Receba mais notícias no seu e-mail

    INFORMAÇÕES

    (62) 9 8161 3087

    Avenida T-09, 2.310, sala 1106 -A, ed. Inove
    Jardim América, Goiânia - GO, 74255-220
    CNPJ: 12.076.010/0001-90

    REDES SOCIAIS